Um Coletivo de Escrita  reúne um grupo de escritores (reconhecidos ou não) interessados em, juntos, fazer  uma reflexão sobre o mundo que os cerca. Para tanto, escolhem um tema de cunho social e cada um discorre sobre o mesmo, em um texto literário, o que culminará em uma publicação coletiva. Logo que  esse objetivo é alcançado,  o grupo pode recomeçar um novo projeto de produção coletiva e acolher novos membros. Esta iniciativa sustenta assim o engajamento cidadão através d a expressão escrita e literária.

Os participantes de um Coletivo de Escrita não precisam ser  “especialistas”  da  escrita. São conduzidos pelo grupo e   dividem seus textos e seu prazer em escrever. Nesta perspectiva, todos desenvolvem suas competências em leitura crítica, mantêm o respeito pelo outro  e buscam trabalhar suas próprias habilidades de escrita.  

O Coletivo de Escrita é  nômade.   Seus  membros   se  reúnem  em   um espaço (semi-)público, diferente, sempre que possível:  centro cultural,  associação, biblioteca... Esta estratégia, que se desenvolve localmente, busca sempre reforçar os laços entre os indivíduos, associações com objetivo social  e organismos culturais e artísticos. 

De maneira mais concreta, cada Coletivo de Escrita se atribui um nome especifico e escolhe um tema de cunho social que norteará os textos e as  trocas de experiências do grupo. Os textos produzidos por cada um dos participantes serão lidos  e comentados por todos os  membros do grupo, mantendo sempre o respeito por cada um  e o cuidado em busca da qualidade literária. As trocas de experiências com base no tema  trabalhado pelo grupo serão objeto de um  texto curto, aprovado pelo grupo (editorial). Ao final dos encontros – 6 a 8, em função do grupo e do contexto, o Coletivo de Escrita editará uma publicação numérica, à qual o site www.coletivosdeescrita.org fará referência. Esta publicação compreenderá: 

um editorial sobre o tema escolhido (escrito coletivamente ou por um dos participantes, porém aprovado pelo grupo);

os textos dos membros do Coletivo de Escrita;

uma apresentação sucinta de cada autor;

uma apresentação sucinta das associações  e organismos  parceiros;

A  produção coletiva poderá ser objeto de uma reunião festiva aberta a todos.

A publicação numérica será divulgada no site www.coletivosdeescrita.org e  permanecerá como sua “propriedade” durante um ano. Após esse prazo, os parceiros da compilação de textos poderão divulgar seus escritos, individualmente, porém deverão fazer sistematicamente referência ao Coletivo de Escrita do qual participou e ao site www.coletivosdeescrita.org.